Call to Action: Chamadas Para Ação Que Geram Mais Conversões em Vendas

By leandrasoaresrj@gmail.com | Call to Action (CTA)

set 23

cal-to-action

O Call to Action é um elemento essencial para quem precisa garantir conversão e vendas recorrentes na internet. Em termos de marketing, um Call to Action (CTA) significa “chamada para ação”.

Geralmente são palavras e frases com links de uma página que levam os usuários a tomar uma atitude, ou seja, realizar uma ação. O principal objetivo é direcioná-los a um local e conversão, como uma Landing Page, Página de Vendas ou de Check-Out, por exemplo.

Normalmente esses links são representados por imagens ou hiperlinks. Na área de copywriting, o termo é muito utilizado, estando presente em todo processo de venda online, auxiliando na conversão de todas as etapas do funil de vendas, do primeiro contato até quando o visitante de seu site se torne um cliente.

Aqui estão informações e dicas práticas sobre Call To Action para você aplicar em seu negócio!

Os tipos de Call To Action que você pode usar

Call To Action Primário

O que apela para a funcionalidade da página. Vamos supor que o visitante deseja comprar um curso online em um site de treinamentos. A página de vendas em que o produto se encontra tem o objetivo exclusivo de vendê-la. Então, o CTA primário nessa página é o botão de comprar ou adicionar ao carrinho.

 

Call To Action secundário

O segundo tipo funciona de forma subjetiva, oferecendo produtos relacionados em um ponto estratégico da página. Ainda usando o exemplo do curso, o foco principal da página de vendas é vendê-lo, entretanto, ela também pode oferecer os produtos complementares, como um e-book, uma aula extra, enfim. Isso seria o foco secundário.

Em nome da usabilidade e da conversão

Em todos os setores digitais, a usabilidade deve ser conseguida dos profissionais de marketing. A ideia é pensar no cliente, facilitando ao máximo sua navegação na plataforma. Os Call to Actions ajudam bastante nesse sentido, tornando as coisas mais claras e fáceis.

Um bom CTA em sua página, no fim de seu vídeo de vendas, no rodapé do seu post, pode te ajudar consideravelmente no processo de convencimento do usuário. Se você quer mesmo influenciá-lo a fazer o que você deseja, de maneira educada, é claro, comece a pensar em como aplicar um Call To Action em seu site.

Este é um assunto é bastante explorado em sites de e-commerce, mas CTA’s são muito importantes para qualquer tipo de sites e blogs. Por isso que quando o assunto é conversão, eles não podem ficar de fora de sua estratégia digital. Cada conteúdo, banner e outras comunicações precisam ter um Call to Action bem planejado e construído.

Devo ressaltar, porém, que para converterem, os Call To Actions precisam ser claros, objetivos e ter uma forte relação com a proposta de sua mensagem. Ninguém gosta de clicar em um botão para realizar uma determinada ação e se deparar com algo completamente diferente daquilo que foi proposto inicialmente. Isso é no mínimo desonesto.

Call to Action no e-mail marketing

No artigo anterior, falei sobre copy em e-mail marketing. Como forma de complementá-lo, cito o CTA como elemento essencial para gerar resultados em sua mensagem de e-mail. É bem provável que já tenha pensado em formas de evitar os filtros AntiSpam, trabalhar temas importantes, entregar conteúdo relevante e aumentar as taxas de abertura.

No entanto, nenhuma dessas ações trará o retorno esperado caso o cliente somente leia o que você escreveu. E é esse o objetivo do call to Action: fazer com que seu leitor não apenas receba as informações de forma passiva, mas dê um retorno imediato ao esforço de comunicação e marketing.

Então, chega de explicações (acho que você já entendeu a proposta), agora vamos à parte prática!

Como criar um Call To Action poderoso e gerar muitas conversões (3 dicas básicas)

#1. Pense no que seus clientes em potencial desejam

Conheça bem o perfil das pessoas que visitam seu site ou blog. Faça perguntas como: Como é que essas pessoas chegaram lá? O que elas estão procurando? O que é preciso para convencê-las a tomar uma ação específica?

Ao responder perguntas como essas, você consegue identificar o próximo passo lógico de seus usuários e, dessa forma, oferecer o que seus visitantes desejam através do Call To Action que você criou. Então, o primeiro passo é conhecer bem sua persona. Leia este conteúdo e aprenda mais sobre isso!

#2. Use conteúdo específico e criativo

Esqueça aqueles textos âncora genéricos como “Clique aqui”.  Muita gente não sabe, mas o Google tende a rejeitar esse tipo de link hoje em dia. Além de facilitar a vida do seu visitante, usar textos âncoras criativos e personalizados auxilia até mesmo no ranqueamento do seu site.

Cada tipo de página deve ter seu próprio tipo de botão, sempre combinando com o design e o objetivo. Uma consideração, é que é preciso escrever textos curtos e autoexplicativos. Chamadas muito longas prejudicam a conversão (grave isso). Uma boa forma de montar esse tipo de link é através de botões gráficos personalizados. Mas se for num post como este, por exemplo, um bom hiperlink com uma frase ou verbo de ação é suficiente (veja o CTA final).

#3. Ofereça uma oferta irresistível

Bato sempre nessa tecla, e sei que pode soar óbvio, mas é o que muita gente esquece na hora de oferecer algo ao visitante.  É demais querer que o usuário realize uma a ação só porque você quer, se ela não for do agrado dele. Sua oferta tem que se de fato atrativa. Não basta caprichar na chamada, tem que ter conteúdo, literalmente.

Um Call To Action bonito, mas sem nada de valor por trás não passa de uma oferta vazia que pode frustrar seu cliente em potencial. Então, a dica aqui é planejar algo de valor para quem visitar seu site, fazer a diferença. Aqui está um conteúdo que vai te ajudar com isso, e um dos mais lidos do meu blog.

Mais 3 dicas essenciais para criar um Call to Action poderoso

Alguns pequenos detalhes em suas chamadas podem ser muito eficientes. E aqui estão as 3 dicas essenciais para você aplicar:

#1. Garanta clareza

Indique para a pessoa o que exatamente o que ele tem que fazer e como. Exemplos: “receba aqui seu e-book” ou “faça seu cadastro”, “cadastre-se agora” em vez de “clique aqui” ou “contato”. Aliás, sempre escreva com clareza e objetividade.

#2. Crie urgência e escassez

Os gatilhos da urgência e da escassez costumam gerar bastante resultados em conversão em vendas, isso se forem bem aplicados. Chamadas como “compre agora”, “garanta sua vaga” ou “receba hoje” influenciam a ação imediata.

#3. Utilize números

Dependendo do que você estiver anunciando, é muito eficiente comunicar com números. É uma forma de evidenciar para o usuário o que ele está fazendo. Veja o exemplo: “Receba agora 20% de desconto” ou “Compre imediatamente por apenas 20”. As frases deixam claro o que quero dizer, não é?

Mãos à obra!

Criar Call To Action atrativos e eficientes pode melhorar a conversão de seu negócio de maneira considerável. E o mais interessante é que diferente outras técnicas, não exige tanto esforço, demandando apenas criatividade e atenção. Por fim, ressalto: Atente-se à experiência do usuário e busque sempre melhorar sua forma de comunicar seus conteúdos.

Não se esqueça de testar suas chamadas, utilize a estratégia A/B. Se precisar de ajuda para criar um Call to Action poderoso para seu site, não hesite em interagir comigo. Terei o prazer de ajudá-lo!

Quer persuadir, converter e vender mais? Clique aqui!

About the Author

Leave a Comment:

(3) comments

Claudio José Bueno 8 de outubro de 2015

Olá, Leandra…
Parabéns, excelente conteúdo…
Meu problema é criar um CTA convincente e atrativo para meu Blog. Você poderia me ajudar?

abr

Reply

[…] de meus clientes. A cada conteúdo que escrevo, a cada e-mail, a cada lançamento, chamada (CTA), botão, o copywriting está presente em […]

Reply

[…] com que ele, intuitivamente, vá até a página onde o restante da mensagem de vendas se dará. Tenho um conteúdo inteiro dedicado a isso. Mas para que você entenda desde já como funciona, cito exemplos simples, como: “clique aqui”; […]

Reply
Add Your Reply

Leave a Comment: